Sobre a loja

A Livraria Santa Cruz, sediada na cidade de Nova Friburgo, edita, publica e comercializa diversos livros católicos sobre Doutrina, Filosofia, Ascética, Mística, Devocionários, Literatura e etc. Conheça nosso site e descubra nossas obras.

O liberalismo é pecado - Rev. Pe. Felix Sarda y Saldany

Código: Z8A4F3XW4 Marca:
2x de R$ 13,00
R$ 26,00
Comprar Estoque: Disponível
    • 1x de R$ 26,00 sem juros
    • 2x de R$ 13,00 sem juros
    • 1x de R$ 26,00 sem juros
    • 2x de R$ 13,59
    • 3x de R$ 9,19
    • 1x de R$ 26,00 sem juros
    • 2x de R$ 13,00 sem juros
    • 1x de R$ 26,00 sem juros
    • 2x de R$ 13,52
    • 3x de R$ 9,19
    • 1x de R$ 26,00 sem juros
    • 2x de R$ 13,31
    • 3x de R$ 9,08
  • R$ 26,00 Depósito Bancário
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

"Feliu Sardà i Salvany" by Josep Renalias - Own work. Licensed under CC BY-SA 3.0 via Wikimedia Commons - http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Feliu_Sard%C3%A0_i_Salvany.jpg#/media/File:Feliu_Sard%C3%A0_i_Salvany.jpg

Felix Sardá y Salvany (Savadelli, 1841 - 1916), ordenado sacerdote em 1864, era licenciado em Direito, Filosofia e Letras pela Universidade de Barcelona. Foi professor do Seminário Conciliar na mesma cidade e desde 1868 pároco da freguesia de San Felix. Converteu sua casa num asilo para idosos, instituição atendida pelas Irmãzinhas dos Velhos Desamparados, desde a sua criação no ano de 1905.

O tom polêmico, a lógica sem concessões e a clareza desta obra foram o estopim de uma explosão de ira de inúmeros liberais, que logo buscaram inutilmente desprestigiá-la e, em vão, refutá-la por todos os meios possíveis, a exemplo da péssima tentativa do liberal cônego Celestino Pazos, que no ano de 1885 havia publicado o opúsculo O Processo do Integrismo no propósito de demolir a obra do Rev. Pe. Salvany, mas que não logrou êxito e caiu em severa condenação pela Santa Sé.

Hoje, quando o Liberalismo sistemáticamente grassa no meio político, econômico e religioso, mais do que nunca se faz necessário conhecer as origens pérfidas desta corrente de pensamento, exposta na presente obra com a mais aguda fineza de pensamento espanhola, cujo título foi devidamente aprovado e recomendado pela mais importante congregação da Igreja Católica até as primícias do Concílio Vaticano II, a Sagrada Congregação do Santo Ofício.

 


  • Formato: Brochura;
  • Quantidade de páginas: 192;
  • Ano: 2013;
  • Índice:

 

Prefácio

Da Secretaria da Sagrada Congregação do Index, 10 de janeiro de 1887

Introdução

I. Existe hoje algo que se chama liberalismo?

II. Que é o liberalismo?

III. Se é pecado o liberalismo, e que pecado é

IV. Da especial gravidade do pecado do liberalismo

V. Dos diferentes graus que pode haver e há dentro da unidade específica do liberalismo

VI. Do chamado liberalismo católico ou catolicismo liberal

VII. Em que consiste, principalmente, a razão intrínseca do chamado liberalismo católico

VIII. Sombra e penumbra, ou razão extrínseca desta mesma seita católico-liberal

IX. Outra distinção importante. Isto é, do liberalismo prático e do liberalismo especulativo ou doutrinal

X. O liberalismo de todo o matiz e caráter tem sido formalmente condenado pela Igreja?

XI. Da última e mais solene condenação do liberalismo pelo Syllabus

XII. De algo que, parecendo liberalismo, não o é; e de algo que o é, não o parecendo

XIII. Notas e comentários à doutrina exposta no capítulo anterior

XIV. Se em vista do que vai dito é ou não lícito ao bom católico aceitar em bom sentido a palavra "liberalismo" e em bom sentido gloriar-se de ser liberal

XV. Um observação simplicíssima que acaba de pôr a questão em seu verdadeiro ponto de vista

XVI. Haverá hoje erro de boa-fé em matéria de liberalismo?

XVII. Vários modos por que, sem ser liberal, um católico pode não obstante tornar-se cúmplice do liberalismo

XVIII. Sinais ou sintomas mais comuns por onde se pode conhecer se um livro, periódico ou pessoa estão atacados ou somente se ressentem do liberalismo

XIX. Regras principais da prudência cristã que deve observar o bom católico em seu trato com os liberais

XX. Necessidade de precaver-se contra as leituras liberais

XXI. Da sã intrasigência católica em oposição à falsa caridade liberal

XXII. Da caridade no que se chamam as formas da polêmica, e se a este respeito têm razão os liberais contra os apologístas católicos

XXIII. Se é conveniente ao combater o erro combater e desautorizar a personalidade que o sustenta e o propala

XXIV. Resolve-se uma objeção, à primeira vista grave, contra a doutrina dos dois capítulos precedentes

XXV. Confirma-se o que ultimamente dissemos com um mui conciencioso artigo da Civiltà Católica

XXVI. Continua a famosa e contundente citação da Civiltà Católica

XXVII. Termina a tão oportuna quão decisiva citação da Civiltà Católica

XXVIII. Se há ou pode haver na Igreja ministros de Deus atacados do horrível contágio do liberalismo

XXIX. Que conduta deve observar o bom católico com tais ministros de Deus contaminados de liberalismo?

XXX. Que deve pensar-se das relações que o Papa mantêm com os governos e personagens liberais

XXXI. Dos caminhos por onde com mais frequência vem um católico cair

XXXII. Causas permanentes do liberalismo na sociedade atual

XXXIII. Quais os remédios mais eficazes e oportunos a que imcumbe aplicar aos povos dominados pelo liberalismo

XXXIV. Sinal claríssimo por onde se conhecerá facilmente o que procede  de espírito puramente católico, e o que procede de espírito simplesmente afetado, ou radicalmente liberal

XXXV. Quais são os periódicos bons e quais os maus, e o que se há de julgar do bem que porventura faça um periódico mau, e ao contrário do mal em que pode incorrer um periódico bom

XXXVI. Se algumas vezes é recomendável a união entre católicos e liberais para um fim comum e em que condições

XXXVII. Se é ou não indispensável em cada caso particular recorrer ao veredicto concreto da Igreja e de seus pastores para saber se um escritor ou pessoa devem repudiar-se e combater-se como liberais

XXXVIII. E que dizer da horrível seita do Laicismo que desde há pouco, no dizer de alguns, causa tão graves estragos no nosso país?

XXXIX. Se é mais conveniente defender em abstrato as doutrinas católicas contra o liberalismo, ou defendê-las por meio de uma agrupação ou partido que as personifique

XL. Se é exagero não reconhecer como partido perfeitamente católico senão um partido radicalmente anti-liberal

XLI. Dá-se de passagem uma explicação muito clara e simples de um lema, por muitos mal compreendido, da Revista Popular

XLII. Uma observação muito prática e muito digna de tomar-se em conta sobre o caráter aparentemente distinto que oferece o liberalismo em distintos países e em diferentes períodos históricos de um mesmo país

XLIII. O que há sobre a "tese" e a "hipótese" na questão do liberalismo, de que tanto se tem falado nestes últimos tempos?

Epílogo e conclusão

2x de R$ 13,00
R$ 26,00
Comprar Estoque: Disponível
Sobre a loja

A Livraria Santa Cruz, sediada na cidade de Nova Friburgo, edita, publica e comercializa diversos livros católicos sobre Doutrina, Filosofia, Ascética, Mística, Devocionários, Literatura e etc. Conheça nosso site e descubra nossas obras.

Pague com
  • PagSeguro
  • PayPal
  • Bcash
  • MercadoPago
  • Depósito Bancário
Selos

Livraria Santa Cruz - CNPJ: 28.147.024/0001-97 © Todos os direitos reservados. 2017